Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

A obra de Francisco Salamone na Argentina: cemitérios

A variada obra do arquiteto e engenheiro italiano Francisco Salamone, espalhada por pequenas cidades da província de Buenos Aires e construída entre 1936 e 1940, manifesta a ideia de crescimento e desenvolvimento dos municípios do interior através de obras de caráter público. Através de calçadões, mobiliário urbano, praças e edifícios públicos - entre os quais se destacam os cemitérios, matadeiros e prefeituras - fica em evidência a necessidade da representação e destaque do Estado, traduzido através da monumentalidade. 

Artista faz peças de cerâmica usando cinzas humanas

Um artista norte-americano criou uma empresa que cria objetos para "eternizar" as pessoas que amamos e que já se foram. A Chronicle Cremation Designs, companhia fundada no Estado do Novo México, nos Estados Unidos, usa cinzas humanas para fazer peças de porcelana, como canecas e pratos.

Que fizeram de ti, cemitério-museu?

“Gostei do aposto que você deu ao Cemitério de Vila Euclides: cemitério-museu. Lá estão sepultadas figuras históricas, como Armando Mazzo. Não me lembro o motivo, mas você, eu, Philadelpho Braz, John French e, se não me engano, o prefeito Maurício Soares e Luiz Roberto Alves estivemos na sepultura do Armando Mazzo para homenageá-lo, o primeiro comunista eleito prefeito, mas não empossado.”

“É tempo de avançar com o novo cemitério”

O Bloco de Esquerda de Braga considerou ontem, em conferência de imprensa, que o executivo municipal bracarense está a precipitar-se na construção do Tanatório no Cemitério de Monte D’Arcos.
Os bloquistas reconhecem que o cemitério da cidade está completamente cheio, pelo que é necessário encontrar uma alternativa, que passa pela construção de um novo cemitério, depois de ouvida a população bracarense. 

Aquecimento Global E Orçamento Carbono, Artigo De José Eustáquio Diniz Alves

A utilização dos combustíveis fósseis gerou muita riqueza nos últimos 240 anos. O uso de carvão mineral (depois petróleo e gás) forneceu a energia necessária para implementar o modelo de produção de bens e serviços em larga escala, desde o início das operações da máquina a vapor, aperfeiçoada por James Watt, em 1776. A Revolução Industrial e Energética propiciou uma grande elevação no padrão de consumo e de vida da população mundial. A esperança de vida ao nascer que estava em torno de 25 anos em 1800, ultrapassou os 70 anos no início do século XXI.

Prefeitura reajusta valores dos serviços dos cemitérios públicos de BH

A prefeitura publicou nesta quarta-feira (13) um decreto que altera os valores cobrados pelos serviços dos cemitérios públicos de Belo Horizonte. Com isso, estão mais caros o sepultamento e exumação, além das concessões de perpetuidade. A gestão dos espaços é da Fundação de Parques Municipais.

Cemitérios de São Gonçalo e Niterói agonizam sem manutenção

Há pouco mais de um ano, a aposentada Nedina de Sousa Oliveira, de 61 anos, perdeu o marido. O enterro foi feito com muito custo, no Cemitério São Miguel, no bairro de mesmo nome, em São Gonçalo. Nesta quarta-feira, Dia de Finados, a idosa voltou ao local para visitar o túmulo do companheiro. Mas, além dos sentimentos de tristeza e saudade, ela também disse se sentir revoltada com as péssimas condições do lugar. Túmulos abertos, mato alto e muita sujeira.

Comitê de monitoramento do setor elétrico (CMSE) diz que nível de reservatórios do Nordeste chegará a 7,5% no fim de novembro


O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) estima que o nível de armazenamento nos reservatórios da Região Nordeste chegue a 7,5% no fim de novembro. No reservatório de Sobradinho, no norte da Bahia, a situação é mais grave e o nível deve chegar a 4%. Atualmente, o nível de armazenamento das represas na região está em 9,95% e, em Sobradinho, 6,76%.

Entendendo a PEC 22 com Ilmo Candido

Tramita no Senado Federal, uma PEC 22/2016, onde a mesma coloca o Serviço Funerário, como Serviços Públicos Essenciais, e diante de vários embates de empresários do setor a nível Brasil, buscaremos outras normas jurídicas, já existente, para entendemos o que isso poderia afetar diretamente ao nosso segmento, embora esse entendimento de sermos Serviços Essenciais, já é visto por analogia,  título de exemplo, Serviços Essenciais já é tratado no artigo 10 da Lei 7783/89, sendo essa uma lei de greve, mas é o único lugar que diz que somos Serviços Essenciais, vejamos:

SOS Mata Atlântica refaz expedição Rio Doce um ano depois

Um ano após o rompimento da barragem na cidade de Mariana (MG), uma segunda expedição da Fundação SOS Mata Atlântica para avaliar a qualidade da água na bacia do Rio Doce constatou que 14 pontos de coleta permanecem sem condições de uso, sendo que 13 continuam sem vida. Outros três se recuperaram. A análise foi realizada de 19 a 28 de outubro e o relatório completo pode ser conferido no link http://bit.ly/2fx0ziP

Energia fotovoltaica deve movimentar R$ 100 bilhões até 2030 no Brasil

Devido às constantes secas, crises de energia no setor elétrico e à demanda pela diversificação da matriz energética no país, os brasileiros estão cada vez mais buscando informações sobre energias alternativas. Um dos sistemas mais indicado para aproveitar esta energia é o fotovoltaico. Para se ter uma ideia, uma hora de sol na superfície da Terra contém mais energia do que o planeta utiliza em um ano. É uma riqueza imensurável.

Vulnerabilidade social e injustiça ambiental, parte 5/6, artigo de Roberto Naime

RANGEL (2015) argumenta que a temática da Justiça Ambiental interessa em razão das extremas desigualdades da sociedade brasileira. No Brasil, o tema da justiça ambiental é ainda incipiente e de difícil compreensão, pois a primeira suposição é de que se trate de alguma vara especializada em disputas diversas sobre o meio ambiente.

Energia: Renováveis aceleram drasticamente em 2016

A transição global para as energias renováveis está se acelerando e o ritmo da mudança está mais rápido que o previsto. Quem ficar para trás enfrentará riscos financeiros cada vez maiores. Estas são as três principais conclusões do mais novo estudo do Instituto de Economia e Análise Financeira de Energia (IEEFA), que analisa os principais eventos nos mercados globais de energia ao longo de 2016 e revela o ritmo assustador da mudança global em andamento.

Auditoria aponta fraudes em serviços de cemitérios

Uma auditoria da CGM (Controladoria Geral do Município) nos contratos da Prefeitura de São Paulo com nove empresas terceirizadas de dez cemitérios na capital encontrou irregularidades na prestação de serviços de limpeza, conservação predial e coleta e retirada de lixo e entulho.

No dia de finados, Orquestra Maré do Amanhã leva música a cemitério do Rio

Cemitério também é lugar de música e de luta pela vida. Foi assim que o Cemitério da Ordem Terceira da Penitência, no Caju, região portuária do Rio de Janeiro, fez hoje (2), dia de finados, uma programação para envolver os visitantes na hora de homenagear parentes e amigos mortos.

COP22 quer tirar do papel o acordo de Paris que limita aumento da temperatura em até 2ºC

A 22ª edição da Conferência das Nações Unidas (ONU) sobre mudanças climáticas (COP22) que começa hoje (7) em Marrakesh, Marrocos, precisará sair do plano das boas intenções e tirar do papel o Acordo de Paris, se o mundo realmente quiser limitar o aumento da temperatura do planeta em até 2ºC em relação aos níveis pré-industriais.

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros