Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 16 de março de 2017

A simbologia da arte cemiterial portuguesa

Além de espaços de contacto entre a vida e a morte, os cemitérios são cada vez mais aceites, no contexto português, como autênticos arquivos e museus a céu aberto, capazes de oferecer um valioso reflexo da cultura e mentalidade da época da sua construção.

Sobre turismo cemiterial

O conceito do necroturismo1 não é uma novidade. No século XIX, os guias turísticos de Paris, vendidos em Inglaterra,incluíam a morgue como atracção turística, considerando-a irresistível e um local a não perder2. Os recém-criados cemitérios-jardins do período romântico eram desenhados invocando a Arcádia e os Campos Elísios3, atraindo os domingueiros passeantes da classe média; e nas Catacumbas de Paris, de paredes forradas com ossadas de antepassados exumados dos cemitérios antigos, faziam-se festas e tocava-se piano.

Perdas de água potável na distribuição, artigo de Roberto Naime

Este é um tema recorrente, mas que nem por isso merece ser negligenciado. Imagine se na indústria farmacêutica houvessem perdas de 36 ou 38% nos caríssimos sais que constituem as mais importantes matérias primas. São estimadas perdas bem inferiores a 1% para viabilizar indústrias farmacêuticas.

Emlur realiza serviços de manutenção no Cemitério Boa Sentença

Equipes da Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) realizam serviços de manutenção no cemitério Boa Sentença, no Bairro do Varadouro. A ação, iniciada nesse sábado, compreende serviços de capinação, varrição, roça, coleta, pintura de meio fio, além da remoção de poda e entulho nas alamedas dos cemitérios e nas vias e calçadas do seu entorno.

O que está em jogo na ‘economia verde’? artigo de Amyra El Khalili

Às vésperas da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável– Rio+20 (2012), fomos abordados por uma avalanche vinda dos ativistas internacionais que denunciavam os perigos da “economia verde” tão propalada pela mídia e pelas grandes Ongs ambientalistas, com a anuência de políticos ideologicamente alinhados, tanto com a direita quanto com a esquerda, neste continente latinoamericano-caribenho.
terça-feira, 14 de março de 2017

Cemitérios públicos em Maceió: uma crônica de mais de uma década sem ação efetiva e só paliativos

Desde 2012 que chamo atenção para a questão da lotação dos cemitérios públicos de Maceió aqui no CadaMinuto. Antes disto, quando meu blog era no Alagoas24Horas, também chamei atenção para o tema mostrando o descaso da gestão pública com esta questão. Falei da situação quando o prefeito era o atual deputado federal Cícero Almeida (PMDB). Falei da questão com o atual prefeito Rui Palmeira (PSDB).

Enquanto prefeitura abre contratação de coveiros, MPE vai averiguar as licenças ambientais dos cemitérios

Publicado no Diário Oficial dessa quinta-feira (09) do Ministério Público Estadual - MPE, através da 2ª Promotoria de Justiça do Meio Ambiente da Comarca de Corumbá, a abertura de Inquérito Civil nº 6/2014, que averiguará a existência de licenciamento ambiental, a ser expedido pelo Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (IMASUL), para fins de regularização dos cemitérios públicos municipais Nelson Chama e Santa Cruz, pertencentes ao município de Corumbá.

Parques nacionais de Anavilhanas e Viruá e a Estação Ecológica do Taim terão conservação das áreas úmidas reforçada

O Brasil aprovou, junto à Convenção sobre Zonas Úmidas de Importância Internacional, sediada na Suíça, três novas propostas para sítios Ramsar. O Parque Nacional de Anavilhanas (AM), o Parque Nacional do Viruá (RR) e a Estação Ecológica do Taim (RS) serão os novos sítios, aumentando de 13 para 16 o número de áreas reconhecidas pela convenção internacional. A certificação ocorrerá ainda no primeiro semestre de 2017, em data a definir.
segunda-feira, 13 de março de 2017

Acesf inicia reforma do muro do Cemitério Jardim da Saudade

A Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários (Acesf) iniciou, nesta quinta-feira (9), a reforma do muro do Cemitério Jardim da Saudade, localizado na região norte. Parte do muro que contorna o cemitério estava com sérios problemas na estrutura, devido à ausência de galeria pluvial. O trecho, de aproximadamente 50 metros, fica localizado na área sul do cemitério e está sendo reconstruído, com previsão de término da obra em 60 dias. 

Câmara de Duque de Caxias realiza audiência sobre serviços cemiteriais

Provocada pela Procuradoria Geral do Município de Duque de Caxias, a Câmara Municipal realizou nesta quinta-feira, 09/03, uma audiência pública sobre os serviços prestados nos cemitérios da cidade. Foram debatidos os preços abusivos dos sepultamentos, as taxas de manutenção, as condições precárias dos cinco cemitérios, as irregularidades ambientais, entre outros.

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros